Analisadores de Condutividade Térmica Mod.ZAF - Fuji

Gostou? compartilhe!

Os detectores de condutividade térmica baseiam o seu princípio de funcionamento na perda de calor quando circula um gás sobre um filamento aquecido.

Nos detectores por condutividade térmica, geralmente o corpo quente é um filamento de um metal (Pt, Ni, etc.), encerrado dentro de bloco metálico.

O gás a ser analisado passa através do filamento aquecido que troca calor resfriando o filamento devido a condutividade térmica característica de cada gás A mudança da temperatura altera a resistência do filamento, que é medido na parte eletrônica do analisador.

Caracteristicas
Princípio de Medição: condutividade Térmica.
Componentes analisados: He, Ar, H2, CH4, CO2
Range de Medição
H2 N2 (CO2, Ar, He) 0 to 3, 5, 10, 20, 50, 80, 100%
100 to 90, 100 to 80%
He N2 (CO2, Ar) O2, Air 0 to 5, 10, 20, 30, 40, 50, 80, 100%
100 to 90, 100 to 80%
Ar N2, O2, Air, (He) 0 to 10, 20, 50, 80, 100%
100 to 90, 100 to 80%
CH4 N2 (CO2, Ar, He) 0 to 20, 40, 50, 60, 80, 100%
100 to 80%
CO2 N2, O2, Air, (He) 0 to 10, 20, 50, 100%
100 to 90, 80%
Saida de Sinal de 4 a 20 mA DC, 0 a 1 V DC, de 0 a 10 mV DC
Repetibilidade: 1% de FE
 
Desvio do  Zero: 2% do FE
 
Desvio do Span: 2% da FE
 
Tempo de resposta:10 segundos com vazão de 1l/min (90% de escala)
 
APLICAÇÃO
Medição de concentração de H2 em Industrias de semicondutores
Medição da concentração H2 em gerador de hidrogênio
Medição da concentração H2 em fornos
Medição das concentrações de Ar, He ou CH4 em Indústrias de geração de gás
Medição da concentração de He Industrias de supercondutor
Medição da concentração Ar em planta de destilação do ar
Indústrias de fertilizantes
Indústrias químicas e petroquímicas
Refinarias de petróleo
Indústrias de Papel e Celulose
Siderúrgicas